quarta-feira, 16 de janeiro de 2019

Conferência Ibero-Americana de Ibero-ST em Lisboa Portugal

Engenharia de Segurança do Trabalho conferência Ibero-Americana de Engenharia de Segurança do Trabalho.

Associação Ibero - Americana de Engenharia de Segurança do Trabalho (AIEST). 

Objetivo da IBERO - ST

A finalidade principal da IBERO-ST é oportunizar a discussão de alto nível sobre experiências, iniciativas e pesquisas relacionadas à prevenção de acidentes e doenças ocupacionais no âmbito da comunidade ibero-americana, envolvendo governos, agencias oficiais e não oficiais especializadas em SST, Instituições de ensino, entidades profissionais e de classe, profissionais, estudantes e demais interessados na temática de SST.


Conheça nosso representante convidado para a IBERO-ST: EDVALDO NUNES, Mestre em Engenharia da Produção; Engenheiro Mecânico e de Segurança do Trabalho e Advogado; autor do Manual do Supervisor de Trabalho em Altura. É Diretor da Treventos Comércio de Equipamentos de Segurança Ltda e atua como Perito Judicial Trabalhista; é presidente da Comissão Municipal de Insalubridade da cidade de João Pessoa – PB, Brasil; leciona nos cursos de Especialização em Engenharia de Segurança do Trabalho e MBA em Gestão de Pessoas; é Diretor da Região Nordeste da Associação Nacional de Engenharia de Segurança do Trabalho – ANEST e é Vice Presidente da Associação Paraibana de Engenheiros de Segurança do Trabalho – AEST-PB. Mais recentemente tem obtido grande destaque na realização de cursos de trabalho em altura pelo país.

Link de acesso ao site da Conferência: https://bit.ly/2QBA2Gq

#universidadenovadelisboa #iberost #isec #usp #oit #apsei#osha #euosha #feup #demsso

II FÓRUM DE DIREITO DO TRABALHO: Saúde e Segurança do Trabalho.





APRESENTAÇÃO:

O II Fórum de Direito do Trabalho: Saúde e Segurança do Trabalho, tem o propósito de reunir pessoas de múltiplas inserções profissionais e sociais para discutir temas referentes ao mundo do trabalho e os impactos sobre a saúde e segurança do trabalho.

OBJETIVO:

Visa fortalecer a integração da classe e abre oportunidade para os congressistas que atuam nessa área a buscarem uma nova atualização legislativa e técnica.

A segurança do trabalho é uma medida protetiva, destinada a melhora dos ambientes do trabalho. E a saúde do trabalho visa mais qualidade de vida, gerando bem estar. Assim, a portaria 3.214/78 – Ministério do Trabalho e Emprego com base na Constituição Federal de 1988, ratificou a importância da prevenção de acidentes e a redução dos riscos inerentes ao trabalho.

PÚBLICO ALVO:

O público alvo são profissionais, militantes, sindicatos, estudantes das áreas do direito, da saúde, da contabilidade, da economia e da engenharia.

Nesse cenário, entende-se que é de suma importância a realização deste evento, para que se possa discutir assuntos de alta relevância jurídica e social.

DO CERTIFICADO

Todos os participantes receberão certificado de 25 horas aula, os que tiverem, no mínimo, 70% de frequência.

DOS ARTIGOS CIENTÍFICOS

Todos os participantes terão a oportunidade de inscrever seus artigos para apresentação neste evento, o edital para submissão dos trabalhos está no link: http://bit.ly/editalforumdireitodotrabalho.

De acordo com o Título IV, art. 23 do nosso Edital, os 10 (dez) melhores artigos científicos a serem escolhidos pelos membros da coordenação cientifica do evento, serão publicados em um E-BOOK pela EDUEPB.

O conhecimento é sempre válido, e quando bem elaborado tem que ser compartilhado.

INSCRIÇÃO - II FÓRUM DE DIREITO DO TRABALHO: Saúde e Segurança do Trabalho.

Salário de Técnico em Segurança do Trabalho 2019 - Reajuste Salarial Atual por Estado

O dissídio de Técnico em Segurança do Trabalho 2019 já saiu. Veja aqui o salário mínimo, piso salarial e salário médio em todos os estados, capitais e principais cidades brasileiras de acordo com a convenção coletiva, acordo coletivo ou dissídio do sindicato de profissionais registrados em carteira com o CBO 351605 no cargo de Técnico em Segurança do Trabalho.

O reajuste salarial 2019 para Técnico em Segurança do Trabalho, obedece os índices de inflação do INPC - Índice Nacional de Preços ao Consumidor no período de um ano, esse é o critério para estipular o piso salarial 2019 e o início das negociações salariais entre o sindicato dos trabalhadores no cargo de Técnico em Segurança do Trabalho e os sindicatos patronais. Em alguns estados houve aumento real do salário, ou seja, acima do índice de inflação.

Uma observação importante é que nem sempre o aumento salarial do Técnico em Segurança do Trabalho em 2019 está atrelado a acordos e convenções coletivas, o salário base pode ser estipulado de acordo com o salário mínimo 2019.

O salário de Técnico em Segurança do Trabalho mostrado aqui é resultado do levantamento de 35045 salários em admissões de empresas de todo o Brasil em 2019, além de dissídios, convenções e acordos coletivos da categoria em sindicatos nacionais ou regionais de Técnico em Segurança do Trabalho que foram registrados no sistema Mediador do Ministério do Trabalho que registra os instrumentos coletivos.

Encontre o seu estado logo abaixo e saiba quanto ganha um Técnico em Segurança do Trabalho com salários atualizados em 2019. A ordem dos salários obedece a sigla dos estados em ordem alfabética. Confira:

Acre

O salário de Técnico em Segurança do Trabalho no Acre de 2019 foi calculado por uma amostragem de 18 salários de profissionais contratados e envolvidos em convenção coletiva, acordo coletivo ou dissídio de Técnico em Segurança do Trabalho em todo o estado.

A média do salário em todo o estado do Acre é R$ 1.923,72 com uma jornada de trabalho de 44 horas semanais.

Piso salarial 2019: R$ 1.829,57.

Rio Branco - AC

O salário médio na cidade de Rio Branco é R$ 1.894,38.

Piso salarial 2019: R$ 1.802,80.

Alagoas

O salário de Técnico em Segurança do Trabalho em Alagoas de 2019 foi calculado por uma amostragem de 198 salários de profissionais contratados e envolvidos em convenção coletiva, acordo coletivo ou dissídio de Técnico em Segurança do Trabalho em todo o estado.

A média do salário em todo o estado de Alagoas é R$ 2.002,10 com uma jornada de trabalho de 44 horas semanais.

Piso salarial 2019: R$ 1.904,10.

Maceió - AL

O salário médio na cidade de Maceió é R$ 1.897,37.

Piso salarial 2019: R$ 1.805,64.

Amazonas

O salário de Técnico em Segurança do Trabalho no Amazonas de 2019 foi calculado por uma amostragem de 391 salários de profissionais contratados e envolvidos em convenção coletiva, acordo coletivo ou dissídio de Técnico em Segurança do Trabalho em todo o estado.

A média do salário em todo o estado do Amazonas é R$ 2.609,48 com uma jornada de trabalho de 44 horas semanais.

Piso salarial 2019: R$ 2.481,76.

Manaus - AM

O salário médio na cidade de Manaus é R$ 2.668,12.

Piso salarial 2019: R$ 2.539,13.

Amapá

O salário de Técnico em Segurança do Trabalho no Amapá de 2019 foi calculado por uma amostragem de 35 salários de profissionais contratados e envolvidos em convenção coletiva, acordo coletivo ou dissídio de Técnico em Segurança do Trabalho em todo o estado.

A média do salário em todo o estado do Amapá é R$ 2.112,17 com uma jornada de trabalho de 43 horas semanais.

Piso salarial 2019: R$ 2.008,79.

Macapá - AP

O salário médio na cidade de Macapá é R$ 1.832,39.

Piso salarial 2019: R$ 1.743,80.

terça-feira, 15 de janeiro de 2019

1º Corrida Prevencionista Homenageia Bombeiros Civis Na Paraíba.


Dez anos da Profissão Bombeiro Civil é Comemorado com Corrida na Paraíba.
Em alusão aos 10 anos da promulgação da lei Federal 11.901 através de Iniciativas do conselho consultivo da frente parlamentar em defesa e Desenvolvimento da profissão Bombeiro Civil da Paraíba, Sindicato dos Bombeiros Civis da Paraíba, Samu, Semob, Policia Militar, GCM, Febrabom PB, prefeitura municipal de João Pessoa e com organização realizada pelo Grupamento de Bombeiros Civis da Paraíba, realizou se no sábado dia (12) a 1º corrida prevencionista em homenagem aos Bombeiros Civis e aos 10 anos da profissão.

Realizada na capital João Pessoa, tendo como palco o parque Sólon de Lucena (Lagoa) um dos carões postais da capital e que conta com profissionais de prevenção contratados exclusivamente para o parque. A 1º corrida prevencionista, teve a participação, de mais de 60 inscritos entre atletas e amadores evento que contribuiu, para a arrecadação de alimentos que serão destinados a entidades filantrópicas do Município.


Com percurso estimado em pouco mais de 10 km contado com recursos e logística própria o primeiro atleta a cruzar a linha de chegada foi o bombeiro Civil Luciano Leotério que disputou a corrida defendendo o GBCP (grupamento de Bombeiros Civis da Paraíba).

O sucesso da ação e diante das ações de desenvolvimento e valorização realizadas entorno dos Bombeiros Civis em todo o Brasil Colocaram, a 1º corrida prevencionista no calendário das inciativas anuais a serem desenvolvidas na capital da Paraibana.

Os organizadores creditam o sucesso da ação aos participantes que mesmo com o curto espaço de tempo de organização e divulgação atenderam ao chamado e prestigiaram o evento. Ressaltaram també a importância da realização da ação tendo em vista, a necessidade do maior conhecimento público da atividade prevencionista em todo o Brasil.

Fonte: Jornal Online Conexão Bombeiro

Conferencia livre de saúde do trabalhador e da trabalhadora


Curso eSocial em João Pessoa-PB - Dia 09 de fevereiro


Procedimento para inscrição:

Via link abaixo👇

Duas formas de pagamento:

- Pagamento à vista (via depósito): Mislene Costa Germano EIRELI-ME
Banco do Brasil
Agência: 1533-4
Conta corrente: 114666-1
CNPJ: 18.727.816/0001-87
Obs: Enviar cópia do comprovante de depósito, para confirmar o pagamento.

- Pagamento no cartão de crédito em 2 vezes, no dia do evento.

segunda-feira, 14 de janeiro de 2019

Abertas com descontos as inscrições para o 10º FIRS correalizado pela PRAC/UFPB


Estão abertas as inscrições para o 10º Fórum Intencional de Resíduos Sólidos (10 FIRS) que acontecerá no período 12 a 14 de junho de 2019, na Sala de Concertos da Fundação Espaço Cultural José Lins do Rego, em João Pessoa.

As inscrições podem ser feitas através do seguinte endereço: http://www.firs.institutoventuri.org/ . Ao se inscrever, o participante pode ganhar até 70 por cento de desconto no 10º FIRS. Alunos e professores de universidades parceiras como Universidade de Brasília (UnB), Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS), Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e Centro Universitário de João Pessoa (UNIPÊ), têm desconto diferenciado no valor de R$ 100,00 até o final deste mês. Para os demais, os descontos se encontram no site do evento.

As vagas são limitadas. Poderão se inscrever: profissionais das áreas dos setores público e privado; pesquisadores; e estudantes das diversas áreas do conhecimento que trabalham com a temática de resíduos sólidos.

De acordo com o técnico extensionista da Pró-Reitoria de Extensão e Assuntos Comunitários da UFPB, e um dos articuladores do evento, Tarcísio Valério da Costa, o Fórum Internacional de Resíduos Sólidos (FIRS) consolida como o evento técnico e científico mais importante do Brasil relacionado ao tema, apresentando uma visão ampla do assunto que abrange desde estudos acadêmicos até à visão governamental e empresarial.

Ele informou que durante o evento serão debatidos os seguintes assuntos: na responsabilidade pré e pós-consumo; ferramentas de educação ambiental; desafio dos municípios na gestão; o papel das universidades na formação de profissionais; tecnologias apropriadas; a formação de consórcios municipais; economia circular; resíduos no mar; intercâmbios de práticas na inclusão social de catadores, dentre outros; além de apresentação de trabalhos científicos e oficinas. Haverá premiação para os melhores trabalhos científicos.

Segundo Tarcisio Valério, a vinda do 10º FIRS para o Nordeste só foi possível graças à articulação nacional do professor Orlando Vilar, Pró-Reitor de Extensão e Assuntos Comunitários da UFPB e professora Terezinha Domiciano, Diretora do Centro de Ciências Humanas Sociais e Agrárias (CCHSA/UFPB). 

Coordenado pelo Instituto Venturi para Estudos Ambientais, está é a primeira vez que o Fórum Internacional de Resíduos Solos é realizado no Nordeste e em João Pessoa. A décima edição do FIRS é correalizada pela UFPB, através da sua Pró-Reitoria de Extensão e Assuntos Comunitários (PRAC), com apoio da Secretaria de Infraestrutura, Recursos Hídricos, Ciência e Tecnologia e Meio Ambiente, do Governo do Estado da Paraíba e do Centro Universitário de João Pessoa (Unipê).

Mais informações na Secretaria da PRAC/UFPB ou pelo telefone: 83 93216-7990.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...